Eu no trem #1

Certo dia tinha duas meninas nos seus 8 anos de idade ambas bem arrumadinhas, penteadinhas. Uma tinha trancinhas no cabelo, amarradas com elásticos coloridos e a outra usava uma meia calça de lã listrada em rosa e lilás. Essa tinha o cabelo minuciosamente penteado, repartido e provavelmente com gel (Maria Joaquina style).

As duas com os olhos arregalados e brilhantes direcionados à um grupo de 4 adolescentes.

O grupo fazia barulho, cantava, ria e dedilhava seus smartphones. Também falavam de escola, provas, o que fazer no futuro. Talvez desejavam ingressar na vida adulta, independência, trabalho, poder comprar aquela cidra barata sem ter que pedir pra prima, ganhar seu próprio dinheiro e não dar satisfações pra pai nem mãe, muito menos ter hora pra voltar pra casa. Talvez queriam ser aquelas moças felizes dos comerciais da H&M. Usavam maquiagens bem-feitas, deviam ter aprendido em tutoriais de Youtube. Também tinham penteados modernos, muita atitude, muita informação visual, muita liberdade de expressão.

A ansiedade das duas meninas de pular a fase da pré-adolescência era grande. Elas queriam seus primeiros sutiãs, batom que não seja de kit da Barbie. Usar salto alto sem ser da Miley Cyrus. Queriam as coisas mais maduras.

E eu observava as duas meninas, querendo voltar aos meus 8 anos. De preferência com a sandalinha da Xuxa, aquela das tiras de plástico.

Anúncios
Esse post foi publicado em Aleatórios, Brunices. Bookmark o link permanente.

8 respostas para Eu no trem #1

  1. Eu também tinha essa sandalinha! Ain, que nostalgia!

  2. Ahhh, essa sandalinha da Xuxa era um máximo, tinha uma que vinha com reloginho :D Acho que foras as unicas sandalinhas de celebridade que eu tive, minha mae era meio contra essas coisas, que nem esse alemaes alternativos :)

  3. Cássia disse:

    sandalinha essa que, de preferência, viesse com um relógio!!!

    eu tinha vergonha da adolescência alemã quando encontrava com uns exemplares.

  4. Fernando disse:

    Bruna muito boa essa sua observação, tem horas tbem q eu queria ter sei lá meus 7, 8 anos novamente, enqto era pequeno queria ser adulto, mandar no próprio nariz, mas depois q se torna adulto, aquilo q se imaginava enqto criança ñ é tão legal assim, temos q nos virar sozinhos, dar conta dos pepinos, ñ tem pai nem mãe pra recorrer, é vc ou vc, aí se essas crianças tivessem a real noção do q ê ser adulto, certamente ñ teriam tanta vontade de crescer assim, aproveitariam bem mais a infância enqto podem, pq depois o tempo ñ volta mais, nós é q o digamos. Abraço.

  5. Miss Cherry disse:

    amava minha melissinha!!!!

    tenho saudade da adolescencia inocente que eu tive.
    vejo minhas primas mais novas, e de inocente a adolescencia delas nao tem nada.

    Sério, elas nao querem mais ir no shopping com amigas, enquanto a mae perambula pelas lojas esperando o horario combinado, elas querem ir pra “matines”, ficar com os meninos, e de preferencia, beeeeeeeeeeeeeeem longe da mae

    Aiiii que saudade

  6. Eu ainda tenho 2 melissinhas… o problema é o cheiro depois de um dia intenso KKKK

    OU ainda ter que dar uma caminhadinha na areia com esse troço… Suor e areit = TDB!

  7. Eve disse:

    Owww, vamos juntas volta aos 8 anos? Querendo muito! ;)

  8. Liza disse:

    Ahhh se elas soubessem o qt eh bom essa fase dos 7, 8 anos nao olhariam pras adolescentes. Mas acho que todo mundo eh assim, ne!?

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s